Sábado, 22 de Agosto de 2009


Urgueira é a outra aldeia da freguesia de Macieira de Alcôba. Trata-se de uma pequena povoação onde impera a arquitectura tradicional serrana, sendo que nos últimos anos tem havido alguma aposta na recuperação de casas e espaços públicos. Junto à povoação, no Cabeço do Junqueiro, situa-se a capela da Nossa Senhora da Guia.
Esta capela terá sido mandada construir pela família Duarte Reis, sendo que alguns dos seus membros terão partido para o Brasil no inicio do século XIX, prometendo que se sobrevivessem aos percalços da grande viagem, além da capela também construiriam um forno que pudesse cozer pão para todos os que se deslocassem aquela romaria. Este forno era aceso alguns dias antes da festa, de maneira a aquecer o suficiente para a cozedura. Ainda segundo a lenda, num dia de romaria e quando a procissão estava a passar, um homem  tirou uma flor do andor e, com ela presa na boca, entrou no forno para lá colocar o pão a cozer. Embora o homem estivesse descalço e sem qualquer tipo de protecção, não sofreu qualquer queimadura, tendo a flor saído de lá com a mesma frescura e viço com que entrou.
Este feito foi considerado um milagre e o pão cozido neste forno passou a ser considerado sagrado, sendo distribuído pela população e guardado durante todo o ano, a fim de ser dado aos doentes para ajudar na cura de certas maleitas. Durante alguns anos esta tradição manteve-se viva. Depois veio a ordem régia que proibiu a romaria, sendo que esta deixou de se realizar durante quase um século. Foi recentemente recuperada pela Associação Etnográfica Os Serranos, a qual soube dar um novo alento e relevo à antiga tradição. Actualmente, num dos domingos de Agosto, o forno volta a cozer o pão sagrado, a lenda é revivida e a romaria atrai milhares de visitantes. Aqui fica o convite para a sua visita neste domingo, 23 de Agosto de 2009, de forma a poder presenciar este extraordinário evento popular.
Aconselhamos também um pequeno passeio até ao miradouro instalado nas traseiras do forno, de onde pode desfrutar uma paisagem soberba. Se o horizonte estiver limpo de névoas, poderá observar para poente a Ria de Aveiro, o mar e quase toda a costa desde a Serra da Boa Viagem, na Figueira da Foz, até Espinho, para sul a aldeia e os campos de Macieira de Alcôba e para norte o imponente maciço do Caramulo.



publicado por Armando às 10:44 | Link do post | Comentar

mais sobre mim
Agosto 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


Artigos

Notícia da inauguração

Inauguração da Aldeia Ped...

Recuperação da moinhola e...

Dia Nacional dos Moinhos

Candidatura

O Último Povo da Serra de...

CARUMA

S. Martinho

Aldeia com tradições

Dia Nacional dos Moinhos

Primavera!

Boas Festas

Aldeia Pedagógica do Milh...

Trilho da Aldeia

A capela do outeiro

Outono

Trilho Terras de Granito

Workshop

O antigo estanco

Chão do Ribeiro

O Milagre da Urgueira

Visita da Etnoideia

As eiras e os espigueiros

Restaurante "A Escola"

A aldeia

Os Moinhos

A Moinhola

Actividades de Julho

Museu do Milho

arquivos

Agosto 2013

Abril 2011

Março 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Setembro 2010

Abril 2010

Março 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Links
Deixe Mensagem com comentários, sugestões ou impressões de visita à aldeia
Mapa

Exibir mapa ampliado
Visitas
free hit counters
free hit counters
blogs SAPO
subscrever feeds